O que é soropositivo?

O que é Soropositivo?

Significa que a pessoa está infectada com o vírus HIV. As pessoas soropositivas também são chamadas de portadoras do HIV, ou simplesmente portador. É muito importante saber que estar soropositivo é diferente de estar doente de AIDS. O soropositivo não apresenta nenhum sintoma de AIDS (é assintomático), pois o seu sistema imunológico está bem.

O portador pode ficar doente, como todas as pessoas ficam, e isso não significa que ele esteja com seu sistema de defesa “fraco”. Ele pode pegar uma gripe “braba”, sofrer um infarto do coração, conviver com alguém que tenha sarampo e se contaminar com o sarampo também. É claro que o portador precisa tomar um cuidado maior com a sua saúde mas, muitas vezes, as pessoas ficam tão assustadas que acham que qualquer gripe já é a AIDS. Muitas vezes, o que afeta mais a pessoa não é somente o vírus mas muito mais a dor que o preconceito e a discriminação geram. A pessoa fica doente de AIDS quando começa a apresentar uma série de sinais e sintomas que indicam que o seu sistema imunológico está deficiente. O Ministério da Saúde publicou um protocolo de definição nacional de casos de AIDS, onde coloca quais são os sinais que possibilitam o diagnóstico de caso de AIDS e somente o médico pode definir se o soropositivo está doente de AIDS ou não.

O portador do HIV pode ficar assintomático em média 10 anos e, em raros casos, pode ser que ele nunca venha desenvolver o quadro de AIDS. Assim sendo, se há casos de AIDS na faixa etária de 20 a 24 anos, por exemplo (ver dados no início do capítulo), significa que estas pessoas infectaram-se com o vírus HIV 8 a 10 anos antes de ficarem doentes de AIDS.

Ser portador do HIV ou soropositivo é diferente

de estar doente de AIDS.

Um cuidado e um respeito importantes é não usar a palavra “aidético”. Ninguém gosta de ser chamado de aidético; é uma palavra construída socialmente, carregada de significados de discriminação, segregação e preconceito. O correto é falar doente de AIDS, caso a pessoa tenha desenvolvido o quadro de imudeficiência.

“AIDÉTICO. Antes de pronunciar essa palavra, lembre que uma palavra pode esconder muitos sentidos.

• Uma palavra carrega ódio.

• Uma palavra carrega repulsa.

• Uma palavra carrega desprezo.

• Uma palavra exclui.

• Uma palavra isola.

• Uma palavra machuca.

• Uma palavra humilha.

• Uma palavra, às vezes, mata.

• Uma palavra não é só uma palavra.”

Fonte: Site falaeducador.com.br